PRODUTOS: PÊRAS

• WILLIAMS ( BARTLETT)
Conhecida também como Williams Bon Chrétien ou Bartlett, é originária de Aldermaston, Berkshire, na Inglaterra, onde foi produzida por volta de 1799. É a variedade mais cultivada no Ocidente e é a preferida da indústria de conservas. A variedade Williams representa 35% da produção argentina de pêras.

 

 

• BEURRE D’ANJOU:
Conhecida também nos Estados Unidos como Anjou, alguns autores consideram que é originária da Bélgica e outros afirmam que é da região próxima a Angers, no centro-oeste da França, onde foi produzida por volta de meados do século XIX.

 

 

• PACKAM’S TRIUMPH:
Sua origem remonta-se a 1896-97, em Nova Gales, na Austrália. Embora longe da Williams, a Packham’s Triumph ocupa o segundo lugar em importância, na produção de pêras argentinas. Uma variedade de tamanho médio e forma irregular. A polpa é de textura fina, suculenta, acidulada e pouco açucarada.

 

• BEURRE BOSC ( KAISER/EMPEROR BROWN )
Também chamada Kaiser Alexander, Imperatore Alessandro ou simplesmente Bosc, esta pêra é originária da França, onde foi encontrada no final do século XVIII. Bastante difundida na Europa e nos Estados Unidos, na nossa região foi cultivada até o começo dos anos 70 e depois foi perdendo importância até o começo dos 90, quando houve uma tentativa de introduzir novamente a variedade; porém, por diferentes motivos, só chegaram a ser plantados poucos hectares com Beurré Bosc.

 

• WINTER BARTLETT
É muito produtiva, auto-incompatível embora com baixa porcentagem de frutos partenocárpicos. O fruto é de tamanho médio a grande, piriforme com a cintura bem marcada e de base oblonga.

 

• ABATE FETEL
Seu nome original é Abbé Fetel, foi encontrada pelo prior do Mosteiro de Chessny, no vale do Ródano, situado no centro sul da França, por volta de 1866. É muito apreciada pelo consumidor italiano e, no nosso país começou a ser cultivada há poucos anos.

 

• RED BARTLETT
Mais conhecida em outras regiões do mundo como Max Red Bartlett, foi descoberta em 1938 nos Estados Unidos, no estado de Washington, como uma mutação gemária da Williams. É uma variedade precoce de produção moderada, e às vezes é necessário realizar um raleio para evitar a alternância.

 

• RED D’ANJOU
São conhecidos dois clones originados nos Estados Unidos, no estado de Oregon. O primeiro apareceu em Medford em 1950 e é conhecido como Red Anjou Gebhard; o segundo foi encontrado em Pakdale e denominado Columbia Red Anjou.

 

• GOLDEN R. BOSC
De cor verde amarelo dourado, com russeting em toda a superfície. Tamanho médio a grande e de forma piriforme alongada.

OUTROS PRODUTOS

Manzanas

Maçãs

Conheça as diferentes variedades de maçãs que nós produzimos e vendemos.